O governador Requião faz críticas à reportagem do CQC

O governador Roberto Requião fez duras críticas à reportagem do programa CQC , da TV Bandeirantes, exibido na segunda-feira à noite, que ironizou e criticou a presença do grande número de ônibus escolares em frente ao Palácio Iguaçu. O governador, durante a escola de governo desta terça-feira, classificou a matéria de “canalha” e atacou o proprietário da TV Bandeirantes, o empresário paulista Johnny Saad.

Requião afirmou que a reportagem teria sido feita por encomenda. “O Johnny Saad já foi meu amigo, mas hoje tenho que dizer que é dono de uma máquina enganosa. Tua rede não é séria. A intenção foi desmoralizar o melhor programa de entrega de veículos escolares do Brasil. Melhor não, o único”, disse o governador.

Rafinha Bastos Proteste Já

A matéria do CQC mostra o drama vivido por crianças no interior do Paraná com o transporte escolar, ao mesmo tempo em que vários ônibus estão estacionados no Centro Cívico. De acordo com Requião, os veículos aguardam a emissão de documentos do Detran e a formalização do seguro dos veículos, que devem ser providenciados pelos prefeitos, para enviar os 230 ônibus aos municípios. O governador alegou que governo do Estado tem investido em transporte escolar R$ 180 milhões ao ano, e comparou com o governo Lerner, em que os investimentos no setor eram R$ 17 milhões anuais..

Fonte.


Assembleia teve bate-boca após matéria do CQC

A matéria sobre os ônibus escolares do Paraná veiculada pelo CQC, programa humorístico da Bandeirantes, levou discussão até o plenário da Assembleia Legislativa. Durante a sessão desta terça-feira (7), o líder do Executivo, Luiz Claudio Romanelli (PMDB) usou a tribuna para atacar seu colega, Douglas Fabrício (PPS). O motivo: os entrevistados no humorístico são assessores parlamentares do pepista.

 Colocar em rede nacional o nosso Estado. Isso é uma palhaçada. (O sr.) expôs nosso Estado ao ridículo”, esbravejou Romanelli. O peemedebista ameaça entrar com representação contra Douglas Fabrício junto o Diretório Nacional do PPS. “Vou falar com o Roberto Freire, que é um homem ético”, disse.

Os integrantes do humorístico foram criticados por Requião durante a Escola de Governo, realizada nesta terça-feira (7). Dentre outras coisas, o governador classificou a reportagem como “canalhice” e “pilantragem”.

Marcelo Tas comentou as declarações de Requião via internet. “Depois de Sarney, hoje fomos chamados de ‘cachorros’ por Roberto Requião. É muita homenagem numa semana só!”, escreveu no Twitter (com site Bem Paraná).

Fonte.

Anúncios

Sobre Portal CQC OFICIAL

Seu portal de notícias sobre o CQC!

Publicado em 07/07/2009, em CQC. Adicione o link aos favoritos. 11 Comentários.

  1. Felipe Martins Greiner

    É típico do Governador Roberto Requião este tipo de atitude… Eu como morador de Curitiba, já estou acostumado com frases como essas do Governador… Ele já é famoso pela sua maneira “DIRETA” de dizer o que pensa: “Na Lata!”.
    Entendo que o governador possui o direito de falar o que quiser, afinal, estamos em uma Democracia. No entanto, a reportagem do CQC foi séria e foi feita por uma razão contundente…
    Como tudo o que ocorre na política, a situação desses ônibus não foi diferente… Uma pena!
    Parabéns CQC!

  2. Felipe Martins Greiner

    E agora, um simples comentário:
    Rafael Bastos, da próxima vez passa aqui em casa para dar um “oi”! Hahauhaua! Sou teu fã cara! =)

  3. O Ilmo. governador só faltou dizer q as crianças q a matéria mostrou tbm eram contratados, que aquela “ponte” que o rafinha atravessou (com o c* na mão, diga-se de passagem) foi invenção da produção do programa, entre outras tradicionais desculpas esfarrapadas dos nossos políticos. Interessante tbm é notar que na sua declaração, o governador não se contenta apenas em dizer o qto seu governo gastou e faz uma ridícula comparação com os gastos de um governo anterior… ridícula postura desse sr. Parabéns CQC !!!!

  4. O governador anterior podia ter menos investimentos, mas ele pelo menos entregou a cidade pronta ao Requião e sem problemas maiores…
    Em vez de mostrar valores, sr Governador, poderia mostrar o que já fez… e não, o CQC não estragou o seu programa, isso já estava se prevendo…
    Eu trabalho nessa região e já vejo a muuuito tempo mesmo esses onibus parado, até parece realmente exposição deles.

  5. ficar fazendo exposição enquanto mtas crianças enfrentam imensos problemas no transporte é sacanagem né?!!!!!!!

  6. Como curitibana também estou acostumada com essas frases simpááááticas do Requião. E é incrível que quando ele faz algo de bom (ou melhor, algo esperado para um governador), sempre fala do feito em primeira pessoa: “eu fiz isso”, “o governador concedeu isso”…
    Adoro minha cidade, mas não piorar não significa melhorar…
    Parabééééns pelo quadro, e acho que, infelizmente, é só desse jeito que o Brasil vai pra frente.

    Beijos.

  7. Vanessa Simone

    Concordo absolutamente com tudo.
    Sou curitibana e ainda por cima trabalho em uma empresa pública. A matéria estava excelente, e como sempre o Requião ficou ‘mordido’ porque sabe que está errado, que está fazendo ‘caca’. Assim como acontece muitas coisas aqui em Curitiba e todo o Brasil, espero que sempre posamos recorrer com um vínculo da mídia como o CQC..
    ;*

  8. Natural o Sr. Roberto Requião ficar irado ao ser criticado ou exposto a realidade. Sempre age como o “super governador”. Mas temos q parabenizar o CQC por mostrar o q realmente se passa , pois enquanto no interior muitas crianças andam a pé ou em ônibus q as expoem a riscos, o Palacio do Governo usa Onibus como propaganda. PARABENS CQC!!!!!!

  9. Maicon Anderson Borgato

    Na condição de estudante de jornalismo e cidadão paranaense, sinto – me gratificado pelo quadro proteste já do CQC. As vezes acredito que ainda existem programas com linha editorial independente desvinculada das amarras dos interesses politiqueiros e financeiros que cerceam muitos meios de comunicação. O quadro apresentado pelo Rafael apenas desmontra algo que todos nós cidadãos e eleitores sabemos: que a máquina publica se torna uma ferramenta para marketing político em detrimento do bem estar do povo. Parece que nosso governador precisa ler uma hora destas a celebre obra de JAQUES ROSSEAU para entender que ele deve estar a serviço do povo paranaense e não o povo a serviço de seus caprichos políticos. Se realmente os tramites burocráticos impedem a liberação dos onibus como disse a secretária, faltou ela explicar de que forma o Governador consegue entregar tais onibus em datas comemorativas.
    Como diz aquele dito: o povo merece aquilo que escolhe. Bem que o governador Requião poderia uma horas destas comer as mamonas do Lula para ficar convalescente e então o vice assumir o lugar dele e entregar aqueles onibus parados no centro civico.

  10. Acho excelente oq o CQC fez..mostrar a realidade do nosso estado a todo o país.
    Porque chega de ficar ocultando as coisas..já que o governador nao se mexe…O CQC mostra ….

    Parabens CQC….aplausos a vcs….\o/

  11. parabens cqc…excelente trabalho….

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s